O que acontece quando você junta Dança e Hackers

Chris, ou Akiba como é conhecido no blog Freaklabs é um dos engenheiros do grupo de dança japonês Electric Crew Orchestra, conhecidos pelo viral “Tron Dance” que ganhou a internet no ano passado.

No último post em seu blog, ele colocou algumas fotos de como tudo funciona por trás da apresentação e já adianto: o trabalho é bem impressionante.

Como já era de se imaginar, as roupas cobertas com Fios Eletroluminescentes são controladas por computador via sinais de RF, o que faz com que haja sincronização entre a música e as luzes nas roupas.
O grande problema é que em um ambiente como um teatro moderno existe um mar de ruído RF. Kilowatts de iluminação controlados por triacs, que ocasionam uma quantidade absurda de ruído além de strobos, flashs de camêras e centenas de telefones celulares com bluetooth e WiFi, além do próprio sinal do celular que causam uma interferência muito grande, o que fez com que Akiba criasse novos receptores e transmissores para o grupo, trocando até a convencional antena omnidirecional por uma Yagi direcional.

Além disso, os fios EL utilizados foram um problema a parte. Eles não eram brilhantes o suficiente e dobrar a quantidade de fios no corpo dos atores estava fora de questão, eles já utilizam 25 metros além do equipamento eletrônico.
Nesse caso as boas práticas da engenharia deram lugar a arte e Akiba fez um overdrive nos fios, ou seja, aumentou a corrente para que eles emitissem mais luz. Issofaz com que os fios queimem com mais frequência. A equipe tem que troca-los durante os intervalos e muitas vezes até durante as apresentações.

Vale lembrar que toda essa tecnologia não valeria nada se não fossem os dançarinos experientes e dedicados que fazem o show acontecer.
Tente se imaginar dançando em perfeita sincronia com a música, num palco totalmente escuro e utilizando uma roupa pesada e cheia de equipamentos eletrônicos. Parabéns à equipe!

Commentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.